967 564 420 tania_cunha_@hotmail.com
Soltar O Controlo

Soltar o controlo

Quantas vezes deu por si com o desejo de controlar o mundo e as pessoas que nele vivem? E se conseguisse aprender a deixar que cada momento, cada respiração e cada pessoa fosse exactamente como é? Não controlar, nem manipular nada!

Para algumas pessoas, nada parece certo a não ser que seja exactamente como elas querem que seja. São movidas por uma imensa necessidade de controlar os outros, o seu mundo, os seus sentimentos, e, em especial, os seus relacionamentos românticos, onde uma maior vulnerabilidade a par do medo da rejeição e da perda, podem causar uma grande ansiedade.

Experimente:

Todos os dias, durante alguns momentos, dedique um tempo a tentar perceber o que quer controlar. Quem pretende mudar? O que é que não é capaz de soltar? Detenha-se alguns momentos em cada situação. Então, muito delicadamente, pergunte a si próprio o que aconteceria se você deixasse essa pessoa fosse tal qual é. Compreenda que ela não lhe pertence, que apenas cruzou o seu caminho. Faça isto durante uns momentos, todos os dias. Sinta o que acontece.

O que aconteceria se acabasse com a necessidade de controlar e decidisse que ia deixar de controlar?