skip to Main Content
967 564 420 tania_cunha_@hotmail.com
Autoestima

A auto-estima nas crianças

O desenvolvimento da auto-estima, auto-conceito e auto-imagem é determinado em grande medida pelas mensagens que a criança recebe dos outros em relação a si, a criança recolhe também do ambiente dados que confirmem estas mensagens dos pais, e acrescenta ainda o seu próprio material fantasioso.

Exemplos de alguns comportamentos que podem indiciar uma baixa autoestima são: choramingar, necessidade de vencer, trapacear em jogos, perfeccionismo, distribuir doces/ dinheiro/ brinquedos, procurar formas de chamar a atenção.

  • É importante ajudar a criança a eliminar as suas mensagens negativas e reformular as positivas.
  • Tente não contradizer a criança, quando esta expressa sentimentos negativos a respeito de si própria – a mudança surge apenas de dentro da criança – ela precisa de um espaço em que seja permitida e aceite a expressão destes sentimentos.
  • As crianças com baixa auto-estima precisam de atividades que envolvam experiências com os sentidos, focalizando as diferenças e semelhanças entre elas próprias e outras pessoas, objetos, animais, vegetais, etc. A consciência destas diferenças contribuirá para que se percecionem com novo apreço, passando a entrar em contacto com os outros sob este novo prisma.

 

Tânia da Cunha

(Psicóloga Clínica/Psicoterapeuta)
Tlm: 96 756 44 20               
E-mail: tania_cunha_@hotmail.com

Back To Top